Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Quarto dia da SNCT tem participação internacional

Publicado: Sexta, 23 de Outubro de 2020, 12h39 | Última atualização em Sexta, 23 de Outubro de 2020, 14h51


A programação da 17º Semana Nacional de Ciência e Tecnologia do Instituto Federal do Amapá (Ifap) teve continuidade ontem (22/10). As atividades inciaram às 8h30 com a palestra “Desafios da irrigação na agricultura 4.0”, organizada pelo Campus Porto Grande e conduzida pelo professor Jannaylton Everton Oliveira Santos, da Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra). A transmissão aconteceu pelo canal TVIfap, no YouTube.

O palestrante ressaltou que o país dispõe de conhecimentos avançados que possibilitam aos profissionais da área de ciências agrárias fazer uso de geotecnologias e demais ferramentas que auxiliam na tomada de decisão para a irrigação de áreas,  garantindo assim a segurança alimentar ou outras necessidades hídricas.

Pela manhã, também aconteceu a oficia “Uso de jogos on-line para o ensino de língua inglesa”, organizada pelo Campus Macapá e ministrada pela estudante do curso de Licenciatura em Letras – Português/Inglês Eveline Silva, que apresentou um jogo de RPG como instrumento facilitador para o ensino da língua estrangeira.

A intensa programação da manhã também contou com a participação do professor Arivaldo D'avila de Oliveira, da Universidade Federal do Acre (Ufac), que apresentou a palestra "Biodiversidade da Amazônia: potencialidades e desafios", também no canal TVIfap, no YouTube. Após demonstrar os aspectos grandiosos da Amazônia internacional, ou seja, a Pan-Amazônia, destacou que a região enfrenta os impactos dos chamados negócios desenvolvimentistas que provocam mudanças nos habitats de populações humanas, animais e vegetais. “Não sou contra o desenvolvimento, mas defendo que haja respeito às nossas populações. Somos compreendidos como a parte periférica, mas nós temos nossos potenciais”, afirmou.

O Campus Laranjal do Jari trouxe para o quarto dia de programação a mesa-redonda “Perspectivas e possibilidades do intercâmbio nas áreas tecnológicas, no ensino, pesquisa e extensão”, que contou com a presença internacional da professora do Centro Tecnológico de Antioquia (Colômbia) Marcela Serna e da professora do Ifap Juliana Farias. O debate destacou a importância do intercâmbio em futuros projetos de pesquisas do Ifap com instituições estrangeiras e o protagonismo do estado do Amapá no turismo científico, por possuir uma vasta área ambiental preservada a ser estudada. Como exemplo disso, foi mencionada a ocorrência das árvores gigantes, as mais altas da Amazônia.

À tarde, a programação iniciou com um tema de utilidade pública. Você já se perguntou como podemos ter certeza se o alimento consumido possui realmente as mesmas características descritas, por exemplo, nos rótulos? Para responder essa pergunta, a palestra ministrada pela professora Ana Caroline de Oliveira, do Campus Macapá, abordou como as técnicas de biologia molecular podem ajudar no controle de qualidade dos alimentos. “Autenticar é confirmar a veracidade de algo. A autenticação ligada ao controle de qualidade dos alimentos significa o processo de verificação das características mencionadas no rótulo, das características exigidas pelo consumidor e também das características legais que o produto deve possuir”, explicou a docente.

Através da autenticação é possível saber a origem geográfica ou espécie do produto, se houve manipulação ou fraude, se há elementos patogênicos, alergênicos ou contaminantes, além de outras características. Uma das técnicas recentes utilizadas para verificar essa autenticação é a da biologia molecular baseada na detecção do DNA, conforme demonstrada pela docente na palestra “Autenticação e controle de qualidade dos alimentos por métodos moleculares baseados na detecção de DNA”.

A segunda atividade da tarde foi conduzida por oito estudantes do curso de Licenciatura em Matemática do Campus Macapá, que apresentaram seus projetos acadêmicos na atividade “Desafios Matemáticos”, coordenada pela professora Elma Daniela Bezerra. Os estudos apresentados foram “Modelagem Matemática Através dos Aspectos Etnográficos do Campus Porto Grande: Geometria Analítica Associada ao Contexto do Campo”; “Utilizando Plataforma Scratch na Elaboração de Animações e Jogos Matemáticos”; “Estudo de Caso sobre Carpintaria Naval Utilizando Etnomatemática como Ferramenta de Tratamento”; “Material Dourado de Caroço de Açaí: Possibilidades no Ensino da Álgebra e Geometria”; e “Tabuleiro de Equações de 1º grau”.

As atividades do período vespertino encerram com a mesa-redonda “Comunicação e divulgação científica em tempos de pandemia”, ministrada pelo professor da Universidade Federal de Pernambuco Rodrigo Carmo e pela bióloga da Fundação Ezequias Dias (Funed-MG) Luciana Silva Lopes, que trouxeram reflexões sobre a necessidade de comunicar a ciência e promover o acesso ao conhecimento científico por meio da educação e informação divulgadas em meios comunicativos usuais. O processo de transmissão da Covid-19 e a produção de vacinas também foram abordados.

A temática florestal foi retomada na programação realizada à noite com a mesa-redonda “Inteligência artificial aplicada aos recursos florestais”, que abordou a aplicação das técnicas inteligentes na coleta e correlação de dados, além do uso da inteligência artificial aliada a ferramentas tecnológicas como sensores e radares, que têm proporcionando maior eficiência na identificação e classificação de espécies na Amazônia. A mesa foi conduzida pelo professor da Universidade Estadual do Amapá (Ueap) Jadson Coelho, o gerente da Suzano, Henrique Ferraço, e o pesquisador da Capes Antonio Isaac Junior.

A programação da 17ª SNCT continua hoje, 23/10, com programação até as 21h, horário em que acontecerá a cerimônia de encerramento, que contará com a atração cultural Poetas Azuis. Ainda é possível realizar inscrição para as atividades desta sexta com direito a certificação clicando aqui.

 

Diretoria de Comunicação - Dicom

Instituto Federal do Amapá (Ifap)
E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
Twitter: @ifap_oficial
Facebook:/institutofederaldoamapa

registrado em:
Fim do conteúdo da página